Descaso: Prefeito cassado de Pitimbu usa ônibus escolar para transportar mercadorias de feira livre.


Vladimir Chaves

A população da cidade de Pitimbu, situada no litoral norte do Estado da Paraíba, está pagando um preço alto devido à instabilidade politica administrativa em que se encontra. Com um prefeito cassado e governando “pendurado” por uma liminar desde outubro de 2014, quase tudo tem desandado no município.

Acusado do crime de compra de votos e abuso do poder econômico o prefeito Leonardo Barbalho (PSD), e sua vice Dani Ribeiro, tiveram o mandato cassado pelo juiz da 73ª Zona Eleitoral, Antônio Eimar de Lima, no entanto um mandado de segurança tem assegurado o prefeito no cargo até a presente data.

Flagrante feito populares
Além da crise em áreas importantes como saúde, educação, limpeza urbana dentre outros, surge mais um fato grave que revoltou a cidade, que é o desvio de finalidade especificas do transporte escolar. De acordo com populares a prefeitura estaria utilizando o ônibus escolar para o transporte mercadorias na “Feira de Acaú” distrito de Pitimbu.

Populares prometem levar o caso à Secretaria de Educação do Estado, ao Ministério Educação e Ministério Público, para que providencias sejam tomadas com urgência e os responsáveis punidos.

sábado, 28 de fevereiro de 2015

 Nenhum comentário

De novo: Aumento de energia passa vigorar na próxima segunda-feira.


Vladimir Chaves

De surpresa a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), aprovou mais um aumento nas tarifas de energia elétrica para os consumidores, o aumento entra em vigor na próxima segunda-feira (2).


O reajuste médio será de 23,4 em todo o país. Para consumidores de alta tensão, como empresas e indústrias o reajuste será de 24,2%, para os consumidores de redes de baixa tensão, como residências e comércio o aumento médio será de 20,1%. 

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

 Nenhum comentário

Foto de FHC que “viralizou” na internet foi feita por Cássio.


Vladimir Chaves

Foto que “viralizou” nas redes sociais em que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, segura uma cédula de dois reais e um cartaz com a frase: “Foi FHC”, foi feita pelo senador Cássio Cunha Lima, e o cartaz pelo senador Aécio Neves.

A confissão da “arte” que ironiza a presidente Dilma Rousseff, por ter atribuído a FHC a roubalheira na Petrobrás, foi feita pelo senador paraibano.


“Foto feita por mim, o cartaz por Aécio, e a pose de FHC, num momento de descontração” brincou o senador.

 Nenhum comentário

Gastança: Presidente da Câmara agora quer torrar 1 bilhão na construção 4 prédios para os deputados.


Vladimir Chaves

Um dia depois de anunciar um “pacote de bondades” para os deputados, a Câmara Federal lançou outro projeto polêmico: quer construir quatro outros prédios, que irão abrigar novo plenário e até shopping center. O custo disso tudo pode comprometer pelo menos R$ 1 bilhão.

A previsão de novos gastos vai contra as medidas de economia e corte de despesas que o governo federal está implementando. As obras visam dar mais conforto para os deputados e assessores. No orçamento, ainda não aprovado, a construção do “Anexo V” tem dotação de apenas R$ 5 milhões.

O que ainda não está esclarecido é de onde virão os recursos para as construções. O presidente da Câmara tem se esforçado para que seja realizada uma parceria público-privada, ideia vetada pela presidente Dilma Rousseff, mas, segundo Cunha, já acertada com o Planejamento.

A intenção do presidente é que empresas particulares invistam no empreendimento em troca de explorá-lo comercialmente no futuro, por meio restaurantes e estacionamentos pagos. Se esse plano não der certo, Cunha disse que a despesa pode ser coberta com recursos públicos. Parte da verba, já estaria disponível e foi obtida com a “venda” da folha de pagamento para instituições bancárias. Como o contrato deve ser renovado em breve, mais recursos entrarão no caixa.

Se as obras forem executadas, a Câmara deve ganhar quatro novos prédios, construídos na área ao lado do anexo IV, usada hoje como estacionamento. No projeto arquitetônico, um dos prédios terá estacionamento subterrâneo para os deputados, outro, vários gabinetes, uma praça e um prédio comercial, além de um plenário com 675 lugares.

Sendo assim, o novo plenário inutilizará o antigo, que compõe um dos símbolos mais emblemáticos de Brasília, o convexo do Congresso ao fim da Esplanada dos Ministérios.




Contas Abertas

 Nenhum comentário

Veneziano abre mão da “cota de passagens aéreas” para esposas.


Vladimir Chaves

Dois dias depois da aprovação do “Pacote da vergonha”, pela Mesa Diretora da Câmara dos deputados, o deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), anunciou que não irá utilizar parte dos benefícios, pelo menos a “cota de passagens de avião”, criada para cônjuges de parlamentares não será utilizada pelo deputado.

“Respeito decisão da mesa diretora da Câmara dos Deputados que aprovou o direito a passagem aérea para as esposas dos Parlamentares, porém, não utilizarei desse benefício” disse.


Além da “cota de passagens” para esposas de deputado o “Pacote da Vergonha” incluiu; aumento de 18% na verba de gabinete para funcionários não concursados, aumento de 8% na verba de custeio do mandato, aumento de 10,5% no auxilio moradia.

 Nenhum comentário

Militares respondem as ameaças de Lula: “O Brasil só tem um Exército: O de Caxias”


Vladimir Chaves

O Clube Militar publicou em seu site nota em que rechaça as ameaças do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, feitas durante discurso em "ato de defesa da Petrobrás". Na última terça-feira (24), em resposta aos que protestam contra o governo do PT, o ex-presidente ameaçou; “...também sabemos brigar. Sobretudo quando o Stédile colocar o exército dele nas ruas” em respostas os militares disseram que no Brasil só existe um exercício.

Ao final da nota os militares intimam o ex-presidente, “Algum recado?” e reitera que no Brasil sempre existiu apenas um exercito, o Exercito do Brasileiro.

Confira a integra da nota:

O BRASIL SÓ TEM UM EXÉRCITO: O DE CAXIAS!

Ontem, nas ruas centrais do Rio de Janeiro, pudemos assistir o despreparo dos petistas com as lides democráticas. Reagiram inconformados como se só a eles coubesse o “direito” da crítica aos atos de governo. Doeu aos militantes petistas, e os levou à reação física, ouvir os brados alheios de “Fora Dilma”.

Entretanto, o pior estava por vir! Ao discursar para suas hostes o ex-presidente Lula, referindo-se a essas manifestações, bradou irresponsáveis ameaças: “...também sabemos brigar. Sobretudo quando o Stédile colocar o exército dele nas ruas”. Esta postura incitadora de discórdia não pode ser de quem se considera estadista, mas sim de um agitador de rua qualquer. É inadmissível um ex-presidente da República pregar, abertamente, a cizânia na Nação. Não cabem arrebatamentos típicos de líder sindical que ataca patrões na busca de objetivos classistas.

O que há mais por trás disso?

Atitude prévia e defensiva de quem teme as investigações sobre corrupção em curso?

Algum recado?

O Clube Militar repudia, veementemente, a infeliz colocação desse senhor, pois neste País sempre houve e sempre haverá somente um exército, o Exército Brasileiro, o Exército de Caxias, que sempre nos defendeu em todas as situações de perigo, externas ou internas

 Nenhum comentário

“Pátria Educadora”: MEC corta 64,6% das bolsas do programa Jovens Talentos para Ciência.


Vladimir Chaves

O Ministério da Educação (MEC) cortou 64,6% (7.109) das 11 mil bolsas previstas para a edição deste ano de 2015, do programa Jovens Talentos para Ciência. Isso representa um corte de R$ 34,1 milhões dos R$ 52,8 milhões do orçamento previsto para o projeto. O resultado das 3.891 candidaturas homologadas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) foi publicado Diário Oficial da União (26.02.15), com uma semana de atraso. 

De acordo com o texto do DOU, foram aprovados "estudantes que alcançaram nota igual ou superior a 60 no processo seletivo". No edital ano passado, constava a regra sobre essa nota mínima. No entanto, o edital do concurso deste ano não previa qualquer nota de corte. Segundo o documento, "os estudantes serão classificados em ordem decrescente das notas obtidas na prova seletiva, até o limite do número total de bolsas oferecidas", que neste ano é de 11 mil.
 

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

 Nenhum comentário

“Boquinha”: Deputado admite rever medida que concede passagens aéreas para esposas de parlamentares.


Vladimir Chaves

Diante da revolta do povo brasileiro o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), já admite rever a absurda concessão de passagens aéreas para cônjuges de parlamentares.


Tentando fazer meia culpa, o deputado passou a “bola” para Mesa Diretora da Câmara. “Não vejo nada demais [com a medida]. Mas se a Mesa quiser rever, é um direito dela. Na próxima reunião ela que trate. Não tem problema nenhum da minha parte” disse. 

 Nenhum comentário

Líder do PSDB vai ingressa com mandado de segurança contra “Pacote da Vergonha”.


Vladimir Chaves

O líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio, informou através das  redes sociais, que irá impetrar ainda na tarde de hoje (26), um mandado de segurança, junto ao Supremo Tribunal Federal, para pôr fim ao ato vergonhoso da Câmara que “mete a mão” no bolso do contribuinte para pagar passagens aéreas de cônjuges de parlamentares!

“É inaceitável que, num momento em que a sociedade é penalizada com o aumento de impostos e alta nos preços, conceda-se esse privilégio aos parlamentares. É um total desrespeito com os brasileiros, que já estão pagando o preço da incompetência do governo Dilma e agora, terão de arcar com essa mordomia. É um contrassenso” disse o deputado.

Segundo o líder, a bancada do PSDB, não irá incorporar essas vantagens absurdas. “O PSDB não fará parte dessa vergonha, também em respeito aos próprios cônjuges de seus parlamentares”.

 Nenhum comentário

Exemplo: Deputado Pedro Cunha Lima recusa “pacote da vergonha” aprovado pela Câmara.


Vladimir Chaves

Pelo menos um dos deputados paraibano, não compartilhará da farra com o dinheiro público aprovado pela Mesa Diretora da Câmara dos Deputados. Sob a presidência do deputado Eduardo Cunha (PMDB), a mesa aprovou o “pacotaço da vergonha”, que aumentou as mordomias dos parlamentares devendo onerar os cofres públicos em R$ 146,3 milhões.

Numa atitude digna de elogios, o deputado Pedro Cunha Lima (PSDB), anunciou que seu gabinete não irá incorporar o “pacotaço” aprovado no dia de ontem (25). “Desde já, por circunstância do gabinete do qual faço parte, renuncio em absoluto este aumento” declarou.

O deputado adiantou que é regra em seu gabinete a preocupação com a redução de custos, citando como exemplo a composição da sua equipe de assessores e técnicos, apenas 10 funcionários, apesar de ser permitida a contratação de até 25 servidores.

“Aproveito a ocasião para prestar contas da atual composição do gabinete: conto com uma equipe de 10 pessoas que formam uma equipe que muito me honra”.

O “pacote da vergonha” inclui aumento de 18% na verba de gabinete para funcionários não concursados, aumento de 8% na verba de custeio do mandato, aumento de 10,5% no auxilio moradia, além da excrecência do custeio de passagens aéreas para os cônjuges dos parlamentares.

 Nenhum comentário

Ditadura: Câmara aprova moção de repúdio ao governo da Venezuela, PT, Psol e PC do B foram contra.


Vladimir Chaves

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou moção de repúdio à atuação do governo da Venezuela por “quebra do princípio democrático, com ofensa às liberdades individuais e ao devido processo legal”.

A proposta do deputado Bruno Araújo (PSDB-PE), cita entre os fatos considerados violações do princípio democrático, a prisão de oposicionistas políticos, o confisco de bens privados, a perseguição a jornalistas e a censura à imprensa.

“Nos últimos dias, a mídia divulgou amplamente a prisão do prefeito de Caracas, Antonio Ledezma, que, além de ter sido realizada de modo arbitrário pelas autoridades venezuelanas, conta ainda com rumores de tortura contra o oposicionista”, afirmou.

Araújo argumenta que o Protocolo de Ushuaia estabelece, no âmbito do Mercosul, que “a plena vigência das instituições democráticas é condição essencial para o desenvolvimento dos processos de integração entre os Estados partes”.

Contrário à moção o deputado Padre João (PT-MG) disse que o Legislativo não deve interferir em atos de países vizinhos. "Não nos cabe ingerência em relação ao governo da Venezuela", disse.


PCdoB, Psol e PT votaram contra a moção.

 Nenhum comentário

BOQUINHA: Brasileiros terão que pagar passagens áreas das esposas de deputados.


Vladimir Chaves

Durante a campanha do então candidato a presidência da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), a ex-deputada Nilda Gondim (PMDB), ofereceu um chá para esposas de deputados e deputadas do PMDB, tendo como convidado ilustre para apreciar o saboroso chá, o então candidato Eduardo Cunha.

Entre um gole e outro de chá, as ilustres madames solicitaram do candidato Eduardo Cunha, o compromisso de se eleito colocar na conta dos contribuintes brasileiros, as despesas delas com passagens aéreas, nas vezes que viajarem a Brasília para visitar os “maridões”. A chama “cota de passagens aéreas”.

Eleito, o deputado utilizando-se do “chapéu alheio” cumpre com a promessa, e nesta quarta-feira (25), anunciou um pacote de bondades para os ilustres deputados que vai onerar os custos da Câmara em R$ 146,4 milhões.

No pacote de bondades, o pagamento das passagens aéreas das esposas dos deputados, quando estas forem a Brasília, visitar os representantes do sofrido povo brasileiro. 

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

 Nenhum comentário

Presidente do PT incita militância a resolver na “porrada” as diferenças com a oposição.


Vladimir Chaves

Pouco tempo depois do ex-presidente Lula, ameaçar colocar o “exercito” do MST nas ruas para contrapor-se aos opositores do PT, agora outra “autoridade” graúda da PT abdica do dialogo e convoca a militância petista para resolver as diferenças na porrada.

O presidente do diretório estadual do PT no Rio de Janeiro, e prefeito da cidade de Maricá, Washington Siqueira, o Quaquá, através do seu perfil “Facebook” incitou os petistas a darem “porrada” naqueles que eles considerarem falsos moralistas.


O comentário deu-se em virtude da hostilização sofrida pelo ex-ministro da Fazenda Guido Mantega quando ele esteve no hospital Albert Einstein em São Paulo. 


 Nenhum comentário

Tribunal de Contas impõe multa de mais de três milhões a ex-prefeito de Gurinhém


Vladimir Chaves

O Tribunal de Contas da Paraíba, reunido nesta quarta-feira (25), emitiu parecer contrário à aprovação das contas de 2012 apresentadas pelo ex-prefeito de Gurinhém, Claudino César Freire, a quem impôs o débito de R$ 3.390.946,66 por despesas sem comprovação documental, em sua maior parte, a título de contribuição previdenciária.


A decisão deu-se conforme entendimento do conselheiro substituto Renato Sérgio Santiago Melo, relator do processo. O ex-prefeito de Gurinhém, que não apresentou defesa, ainda poderá fazê-lo em fase de recurso. 

 Nenhum comentário

Relator da CPI da Petrobrás teve a campanha financiada pelas empreiteiras que vai investigar.


Vladimir Chaves

O deputado Luiz Sérgio (PT), escolhido pela banda do Partido dos Trabalhadores para ser o relator da CPI da Petrobras, teve 40% das suas despesas de campanha eleitoral, em 2014, custeada por quatro construtoras envolvidas no escândalo de corrupção na Petrobras.

Segundo matéria do jornal O Globo, Luiz Sergio, recebeu R$ 962,5 mil das construtoras Queiroz Galvão, OAS, Toyo Setal e UTC.

 Nenhum comentário

“Lula tem postura de bandido. E bandido frouxo!” senador Ronaldo Caiado.


Vladimir Chaves

As ameaças do ex-presidente Lula, na noite de ontem na sede da ABI (Associação Brasileira de Imprensa), durante ato “em defesa da Petrobras”, em que ameaçou colocar o “exercito” do MST nas ruas do país, contra aqueles que ousam condenar seu partido no escândalo do “Petrolão”, continuam repercutindo.

Segundo publicou O Globo, o cacique do PT teria dito: “Quero paz e democracia, mas também sabemos brigar. Sobretudo quando o Stedile colocar o exército dele nas ruas".

Dentre tantos que ficaram indignados com as ameaças veladas do ex-presidente, o senador Ronaldo Caiado (DEM), que chamou o petista de bandido, afirmando que ele tenta desestabilizar a democracia no Brasil de forma idêntica a que ocorre hoje na Venezuela.

“Lula tem postura de bandido. E bandido frouxo! Igual à época que instigava metalúrgicos a protestar e ia dormir na sala do delegado Tuma. Lula e sua turma foram pegos roubando a Petrobras e agora ameaça com a tropa MST do Stédile e do Rainha para promover a baderna. Lula quer promover a instabilidade democrática de forma idêntica ao que ocorre na Venezuela com o ditador Maduro soltando seus coletivos” desabafou.

 1 comentário

Festança: Ministério das Relações Exteriores, gasta R$ 2,2 mil em cerveja artesanal


Vladimir Chaves

O interesse pelas cervejas artesanais, aquelas produzidas com puro malte em micro cervejarias, também invadiu os paladares do funcionalismo público. O Cerimonial do Ministério das Relações Exteriores, responsável por organizar grande parte dos eventos do governo federal, gastará R$ 2,2 mil em cervejas Baden Baden.

Conhecida como a primeira cervejaria “gourmet” do Brasil, a Baden Baden produz 13 rótulos do produto e o preço de cada garrafa de 600 ml costuma variar entre R$ 15,00 e R$ 25,00, dependendo do tipo. Supondo que a compra seja da mais barata, do tipo Cristal, a versão pilsen da cervejaria, cerca de 150 garrafas serão adquiridas.

Ainda no clima de festa, a Grupamento de Apoio de Brasília deu preferência para a alimentação. O órgão irá desembolsar R$ 19 mil em salgadinhos. Nada de frituras: só salgados assados serão adquiridos. Entre eles, estão mini-empadas de frango com catupiry, presunto e queijo e frutos do mar, mini-esfirras de carne, mini-quiches de queijo, alho-poró, entre outros.




Contas Abertas

 Nenhum comentário

Secretária reúne-se com Ministro da Saúde buscando reverter manobra contra saúde de Campina Grande.


Vladimir Chaves

A secretária municipal de Saúde de Campina Grande, Luzia Pinto, participa hoje (25), de audiência com o ministro da Saúde, Arthur Chioro, em Brasília.  O encontro tem o objetivo de impedir a diminuição dos recursos federais do Bloco de Alta e Média Complexidade Ambulatorial e Hospitalar que são destinados ao município e às cidades da 1º Macrorregião de Saúde da Paraíba, que também enviarão representantes à reunião.

Por solicitação do Governo do Estado da Paraíba, em janeiro deste ano, o Ministério da Saúde decidiu, de forma unilateral, reduzir o teto financeiro de Assistência de Média e Alta Complexidade de diversos municípios e alocar esses recursos no teto financeiro do Estado da Paraíba, de forma retroativa à competência de janeiro de 2015. Com a decisão, somente Campina Grande perderia R$ 11.760.252,39 ao ano, ou seja, R$ 980.021,03 por mês.

No entanto, uma ação cautelar impetrada pela Procuradoria Geral do Município, no último dia 6, a Justiça Federal concedeu uma liminar que impede a tentativa de prejudicar o setor de Saúde Pública de Campina Grande. Ao acatar a ação da Prefeitura, o juiz da 4ª Vara Federal na Paraíba, Rafael Chalegre do Rêgo Barros, reconheceu que o pedido feito pelo Estado e a medida adotada pelo Ministério da Saúde são irregulares.

Após a liminar, o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde da Paraíba – Cosems, em parceria com o Conselho Nacional das Secretarias Municipais de Saúde – Consamems, conseguiu agendar audiência com o ministro para debater o tema evitar que os municípios paraibanos sejam prejudicados com a manobra do Governo do Estado.


“Esperamos que o ministro compreenda que esta manobra irá subtrair 12% nos recursos federais para custeio da Média e Alta Complexidade destinados à Campina Grande. Isso inviabilizaria completamente os serviços essenciais de saúde, prejudicando uma população de cerca de 1,5 milhão de paraibanos que utilizam nossos serviços”, explicou a secretária Luzia Pinto.

 Nenhum comentário

Brasil é o país que mais mata no mundo e registra 130 homicídios por dia


Vladimir Chaves

Dado está no relatório da Anistia Internacional, que analisou a violência em 160 países. Mais de 50 mil pessoas são assassinadas por ano no país. Segundo documento, Brasil passa por um agravamento da crise da segurança pública.

Mais de 50 mil pessoas são assassinadas por ano no Brasil. São pelo menos 130 homicídios por dia, o que faz do país o que mais mata no mundo em números absolutos. Os dados constam do relatório divulgado na noite desta terça-feira pela Anistia Internacional sobre a violência em 160 países. O documento aponta ainda que mais de 90% das vítimas são homens jovens e negros e entre os principais fatores para a construção desse quadro estão a pobreza, o racismo e o modelo militarizado de polícia. 

A sensação de impunidade também é um incentivador, já que 85% dos homicídios não são solucionados no Brasil. A Anistia Internacional destaca ainda que, apesar dos avanços econômicos, em 2014, houve um agravamento da crise da segurança pública no país, como frisa o assessor de Direitos Humanos da organização no Brasil, Maurício Santoro.


'Um país que tem tantos assassinatos, claramente, tem um problema muito grave. Mesmo que a situação não piore ao longo dos anos, já é uma tragédia do ponto de vista humanitário.'

 Nenhum comentário

Não é piada: Deputado do PT apresenta projeto no Congresso criando o Dia do Corinthians.


Vladimir Chaves

O novo deputado federal Andrés Sanchez (PT), estreou na Câmara apresentando como primeiro projeto, o Dia do Corinthians. A data escolhida pelo mais novo deputado folclórico foi dia 1º de setembro, data da fundação do clube paulista.


Resta saber quantos deputados vão endossar a brincadeira do deputado torcedor. Segundo informou o Jornal Estadão, o projeto tem a assinatura do deputado Goulart (PSD), autor de proposta semelhante na cidade de São Paulo a época que exercia o mandato de vereador. 

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

 1 comentário

Câmara Municipal de Campina Grande aprova composição das Comissões Permanentes


Vladimir Chaves

Em sessão ordinária realizada nesta terça-feira (24), a Câmara Municipal de Campina Grande, aprovou os nomes dos novos membros das Comissões Permanentes.

Segundo o presidente da Câmara, vereador Antônio Alves Pimentel Filho, as comissões são organismos de caráter técnico-legislativo especializado que integram a estrutura institucional da Casa.

Confira a composição das Comissões Permanentes

Comissão Constituição, Justiça e Redação
Presidente: Nelson Gomes Filho
Secretário: Murilo Galdino
Membro: Ivonete Ludgério

Comissão de Finanças, Orçamento, Fiscalização Financeira e Controle 
Presidente: Marinaldo Cardoso
Secretário: João Dantas
Membro: Joseildo Alves (Galego do Leite)

Comissão de Educação, Esporte e Turismo
Presidente: Miguel Rodrigues
Secretário: Vaninho Aragão
Membro: Anderson Maia

Comissão de Saúde e Bem Estar Social
 Presidente: João Dantas
Secretário: Ivam Batista
Membro: Marinaldo Cardoso

Comissão de Obras, Planejamento, Infraestrutura e Habitação
 Presidente: Cicero Rodrigues (Buchada)
Secretário: Aragão Junior
Membro: Olimpio Oliveira

Comissão de Direitos Humanos, Defesa do Consumidor, do Contribuinte e do Servidor Público
Presidente: Napoleão Maracajá
Secretário: Miguel Rodrigues
Membro: Alexandre do Sindicato

Comissão de Meio Ambiente e Recursos Hídricos Convivência e Sustentabilidade do Semiárido
Presidente: Josemar Henrique
Secretário: Miguel Rodrigues
Membro: Ivam Batista

Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, Idoso, da Criança e do Adolescente
Presidente: Ivonete Ludgério
Secretário: Murilo Galdino
Membro: Rodrigo Ramos

Comissão de Segurança Pública, Defesa Social e Prevenção as Drogas
Presidente: Alexandre do Sindicato
Secretário: Olímpio Oliveira
Membro: Alexandre Régis

Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana
Presidente: Alexandre Régis
Secretário: Marinaldo Cardoso
Membro: Anderson Maia

Comissão de Agricultura e Pecuária
Presidente: Galego do Leite
Secretário: Orlandino Farias
Membro: Ivonete Ludgério

Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio
Presidente: Aragão Júnior
Secretário: Miguel da Construção
Membro: Aldo Cabral

Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática
Presidente: Anderson Maia
Secretário: Vaninho Aragão
Membro: Aldo Cabral

 Nenhum comentário

"Não tem vergonha na cara não?" Ex-ministro Guido Mantega é expulso de hospital particular.


Vladimir Chaves

Indignado o povo brasileiro aos poucos vai saindo da letargia e exercendo seu direito a cidadania. Um exemplo claro de que a sociedade já não aceita tanto cinismo, tanta indiferença dos agentes públicos, aconteceu hoje (24), no Hospital Albert Einstein em São Paulo, quando o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, foi interpelado por pacientes que se encontravam nas dependências do hospital. 

“Não tem vergonha na cara não?” “Vai para o SUS” interpelou os presentes, constrangido não restou outra saída ao ex-auxiliar da presidente Dilma Rousseff. Saiu de fininho!

A cena foi registrada e postada nas redes sociais, confira:

 Nenhum comentário

"Brasil vive momento explosivo e de política equivocada" senador Cássio Cunha Lima


Vladimir Chaves

O líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima (PB), demonstrou preocupação com a conjunção de problemas no país governado pelo PT. “O momento que o Brasil vive é extremamente grave porque, se olhados isoladamente, os problemas já preocupantes, porém quando somados ficam quase que explosivos”

Ele lembrou que, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal, pelo menos sete estados do Brasil estão com estradas fechadas devido a protestos de caminhoneiros por causa do alto preço dos combustíveis – uma parte do “pacote de maldades” do Planalto.

O líder também criticou o que chamou de “deterioração ética” do governo, e relembrou que Dilma, com as declarações que deu sobre as investigações na Petrobras, deu um “tapa na cara do povo brasileiro”.

Sobre a culpa que a petista quis estender ao presidente Fernando Henrique Cardoso quanto aos desmandos na Petrobras, Cássio declarou que “se assim fosse, talvez ela deveria ter atribuído as responsabilidades a Getúlio Vargas, que criou a Petrobras”.

“É uma postura que não contribui em absolutamente nada para solucionar os problemas que estamos vivendo”, criticou o tucano.

 Nenhum comentário

Para Ricardo Coutinho, o PT perdeu a identidade, o governo Dilma parou o país e a Petrobrás está esfacelada.


Vladimir Chaves

Durante entrevista ao programa “Direto do Ponto” com a jornalista Joice Hasselmann, da Revista Veja, o governador Ricardo Coutinho (PSB), fez algumas analises que devem tumultuar os bastidores da política paraibana.

Mesmo tendo apoiado a reeleição da presidente Dilma Rousseff, no segundo turno e estando aliado ao PT da Paraíba, o governador não amenizou nas analises criticas. Segundo o governador o PT perdeu sua identidade ideológica e o governo Dilma colocou o país na UTI.

“O governo não pode dizer que está tirando o país da UTI quando esse mesmo governo governava. Isso é um contra senso, afinal o governo é de continuidade. É preciso ter uma passagem de coerência” disse.

Para o governador o país está parado desde a reeleição da presidente Dilma, e que além da corrupção o governo comente uma serie de erros e equívocos, afirmando ainda que a Petrobrás está se esfacelando.

“O país está parado faz três meses, a Petrobrás está se esfacelando e é um patrimônio importante para esse país, e tem uma serie de erros e equívocos do governo, uma serie, e eu me refiro fora à parte da corrupção” disse.

“No PT existe uma crise muito profunda de identidade”, “A transformação do PT é evidente” disse o governo durante a entrevista. 

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

 1 comentário

Lava jato: Presidindo a CPI Hugo Mota poderá passar a limpo as doações que recebeu do PMDB


Vladimir Chaves

O deputado federal Hugo Mota (PMDB), futuro presidente da CPI da Petrobrás, responsável por conduzir a Comissão que irá investigar a prática de atos ilícitos e irregularidades no âmbito da Petrobrás entre os anos de 2005 a 2015, terá mais que um desafio pela frente, visto que a imprensa nacional vinculou seu nome às empreiteiras envolvidas na “Operação Lava Jato” que serão alvo das investigações pela CPI.

Segundo o que foi publicado na imprensa nacional o deputado teria recebido doações das empreiteiras citadas no maior escândalo de corrupção da historia do Brasil. Em sua defesa o parlamentar alegou que não é responsável pela captação das doações de campanha feitas pelo seu partido, e que está tranquilo em relação às suspeitas que pesam sobre ele, por não ter relação alguma com as empresas ou seus representantes.

Hugo Mota acrescentou ainda que como presidente da CPI, terá um comportamento isento, sem a interferência do governo ou da oposição.

Bom, o esperado é que ele não permita a reedição dos resultados da primeira CPI, que foi presidida no ano passado pelo ex-senador Vital do Rêgo, e que terminou em pizza. O jovem deputado terá uma oportunidade única de passar a limpo a suspeita que pesa contra ele, permitindo a mais ampla e transparente investigação as doações feitas pelos empreiteiros ao seu partido (PMDB), e que terminaram por cair em sua conta de campanha.


Segundo noticiou a imprensa, Hugo Mota (PMDB), recebeu R$ 255 mil da Andrade Gutierrez via diretórios estadual e nacional do PMDB e R$ 200 mil da Odebrecht, repassados a Motta pela direção nacional do PMDB. 

 Nenhum comentário

Em protesto ao reajuste de 1% servidores do Fisco podem deflagrar greve por tempo indeterminado.


Vladimir Chaves

Os agentes fiscais da Paraíba realizam na manhã de hoje (23), reunião na sede do sindicato (Sindifisco), tendo como pauta o reajuste de 1% concedido pelo Governo do Estado.

De acordo com os líderes do Sindifisco, o reajuste que o governador Ricardo Coutinho (PSB), ofereceu é vergonhoso e afronta toda a categoria, e que, caso o governo não receba os servidores para discutir esse reajuste e outras demandas inevitavelmente haverá greve por tempo indeterminado.

Amanhã os filiados do sindicato reúnem-se em Campina Grande, dia 25 em Guarabira, e nos dias 3 e 4 de março em Cajazeiras e Patos, respectivamente. No dia 5 de março a diretoria volta se reunir com a categoria, em João Pessoa, podendo deflagrar greve.

 Nenhum comentário

Pacote de maldades: Aposentadorias de mulheres 85 anos, homens 95.


Vladimir Chaves

No “Governo Dilma II” não existe nada que esteja ruim que não possa piorar ainda mais, agora o novo alvo do infindável pacote de maldades da senhora Dilma Rousseff (PT), são os aposentados. O jornal Estadão edição de hoje (23), traz entrevista do novo ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, onde ele revela que o Governo Federal pretende acabar com o “Fator Previdenciário” e mudar as regras para as aposentadorias, adotando o “Fator 85\95”, ou seja, aposentadorias para mulheres 85 anos e homens com 95.

“Depois de negociar as medidas de restrição em benefícios previdenciários, como pensões por morte e auxílio-doença no Congresso Nacional, o governo Dilma Rousseff vai iniciar uma discussão com os movimentos sindicais para acabar com o fator previdenciário.

A informação é do ministro da Previdência Social, Carlos Gabas, que concedeu ao Estado sua primeira entrevista após assumir o cargo. A ideia, diz ele, é substituir o fator, criado em 1999, por uma fórmula que retarde as aposentadorias no Brasil. “O fator previdenciário é ruim porque não cumpre o papel de retardar as aposentadorias. Agora nós precisamos pensar numa fórmula que faça isso e defendo o conceito do 85/95 como base de partida. As centrais concordam com isso”, defende.” (De O Estado de S.Paulo)

 1 comentário

Deputado Veneziano estreia discurso na Câmara priorizando a Reforma Política.


Vladimir Chaves

Sob a presidência do deputado federal Rômulo Gouveia (PSD), o deputado Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), estreou a Tribuna da Câmara, priorizando em seu discurso a Reforma Política.



Confira a integra do discurso: 


 Nenhum comentário

Professores da rede estadual de ensino vão a Assembleia Legislativa da Paraíba, denunciar armação do Governo.


Vladimir Chaves

A Associação dos Professores de Licenciatura da Paraíba –APLP- estará terça-feira, dia 24, a partir das 9 horas da manhã, na sessão de abertura dos trabalhos de 2015 da Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba, entregando aos 36 deputados estaduais documento em que denunciam ao Poder Legislativo a armação do Governo do Estado relativo ao reajuste de 20% aos professores professoras (atingindo apenas uma pessoa, se é que existe) da rede estadual e a desconstrução do Plano de Carreira da Categoria.

A importância dessa ação, que faz parte do Calendário de mobilização, sedimenta-se no fato de que a Assembléia Legislativa deverá apreciar e votar, em breve, a Medida Provisória do Poder Executivo, que trata da data base dos servidores estaduais, enviada àquela Casa Legislativa em janeiro.

Na oportunidade, a APLP solicitará aos deputados estaduais a realização de uma Sessão Especial (também constante do nosso Calendário), em março, para tratar da problemática do Magistério Estadual.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

 Nenhum comentário

Em nota PT ignora prisões arbitrárias e assassinatos e solidariza-se com a ditadura da Venezuela.


Vladimir Chaves

A nota assinada pelo senhor Rui Falcão, em nome do Partido dos Trabalhadores, tentando justificar os crimes praticados pelo governo Maduro, contra o povo venezuelano e a democracia na América Latina, beira o extremo do absurdo e do cinismo.

Em três pontos de puro cinismo, tenta-se atribuir aos que ousam protestar contra a mais nova DITADURA da América do Sul, toda a crise econômica, moral, ética e institucional por qual passa a Venezuela.

De forma irresponsável chama de criminosos os que ousam protestar contra o ditador da Venezuela, a nota ignora as prisões arbitrárias e os assassinatos de jovens pelas forças repressoras que hoje tem autorização para usar munição letal contra as manifestações.

A nota encerra com um cinismo que ultrapassa todas as barreiras do bom senso, num verdadeiro acinte a inteligência dos que si aventuram a ler tamanha aberração, solidarizam-se com as famílias das vítimas da repressão, afirmando serem frutos dos graves “distúrbios provocados”.

Leia a integra da nota:

Nota do PT acerca da Venezuela

O Partido dos Trabalhadores (PT), diante dos graves fatos que vêm ocorrendo na República Bolivariana da Venezuela, torna público o que segue:

1. Condenamos os fatos e ações com vistas a desestabilizar a ordem democrática na Venezuela; rechaçamos ainda as ações criminosas de grupos violentos como instrumentos de luta política, bem como as ações midiáticas que ameaçam a democracia, suas instituições e a vontade popular expressa através do voto. Lembramos que esta não é a primeira vez que a oposição se manifesta desta forma, o que torna ainda mais graves esses fatos.

2. Nos somamos à rede de solidariedade mundial para informar e mobilizar os povos do mundo em defesa da institucionalidade democrática na Venezuela, fortalecer a unidade e a integração de nossos povos.

3. Nos solidarizamos aos familiares das vítimas fatais fruto dos graves distúrbios provocados, certos de que o Governo Venezuelano está  empenhado na manutenção da paz e das plenas garantias a todos e todas cidadãos e cidadãs venezuelanas.


 Rui Falcão Presidente Nacional do PT 

 2 comentários

Prefeitura de João Pessoa gasta mais de três milhões com locação de palcos, arquibancadas, som...


Vladimir Chaves

A gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PT), está definitivamente decidida a entrar para o “Guinness Book” como a gestão mais festeira da história de João Pessoa. Os dados das despesas com festas são incontestáveis, agora com um agravante, não bastasse à contratação de cantores e bandas o município resolveu inovar com gastos astronômicos na locação de palcos e arquibancadas.

O município que precisou enfrentar uma ação civil pública do Ministério Público para fazer reformas e fornecer suprimentos necessários às escolas e creches, dá-se ao luxo de torrar mais de R$ 3.000.000,00 (três milhões) com estruturas para promoção de eventos festivos.

No ano de 2014, além das despesas com bandas e cantores a prefeitura de João Pessoa, através da Fundação Cultural de João Pessoa (FUNJOPE), desembolsou com locação, montagem e desmontagem de palcos e arquibancadas a bagatela de mais de R$ 1.900.000,00 (um milhão e novecentos mil reais), com a locação de som e iluminação a FUNJOPE, empenhou mais de R$ 470.000,00 (quatrocentos e setenta mil reais).

Já com grides, disciplinadores, stands, foram gastos mais de R$ 480.000,00 (quatrocentos e oitenta mil), banheiros químicos e telões as despesas ultrapassaram os R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil). 

 2 comentários