Ditadura bolivariana jogou 96% dos venezuelanos na pobreza.


Vladimir Chaves


A Pesquisa Nacional de Condições de Vida 2019-2020 (Encovi), publicada por pesquisadores da Universidade Católica Andrés Bello em Caracas, mostra que os níveis de pobreza na Venezuela dispararam durante 2019, fazendo com que o país se tornasse oficialmente o mais pobre da América Latina e do Caribe.

Em 2019, a renda média na Venezuela era de 72 centavos de dólar por dia. De acordo com o relatório, tendo por base exclusivamente o fator renda, 96% dos venezuelanos vivem na pobreza e 70% vivem na pobreza extrema.

“Os resultados da Encovi são um triste reflexo da realidade do povo da Venezuela”, disse o legítimo presidente interino, Juan Guaidó*. “Eles não são números isolados, nem números frios, mas o reflexo do que os venezuelanos estão sofrendo neste momento.”

O estudo também calculou a pobreza multidimensional observando vários outros fatores além de renda, como acesso a educação e serviços públicos. Com base nesses índices, 64,8% das famílias na Venezuela vivem na pobreza. De acordo com o relatório, esses números foram 13% menores em 2018, ilustrando como Maduro afundou ainda mais a economia venezuelana desde o ano passado.

“A Venezuela se afastou consideravelmente de seus pares sul-americanos, se aproximando da situação que alguns países do continente africano enfrentam”, afirma o relatório.

Considera-se que apenas 3% das famílias na Venezuela têm segurança alimentar, em comparação com 10% das famílias em 2018, segundo o relatório. Isso significa que 97% dos venezuelanos não sabem ao certo de onde virá sua próxima refeição ou quando ela chegará.

segunda-feira, 3 de agosto de 2020

 Nenhum comentário

Frente Parlamentar Evangélica repudia convite de Maia a Felipe Neto: “escárnio”


Vladimir Chaves


A Frente Parlamentar Evangélica criticou a decisão e repudiou o convite do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, ao youtuber de esquerda, Felipe Neto para participar de uma reunião para discutir o projeto de lei que trata sobre “fake news”, a ‘PL da Censura’.

Parlamentares evangélicos combatem tese do ‘abuso de poder religioso’ no TSE
“O presidente da Câmara, mesmo depois de eleito, tem total liberdade para fazer a sua agenda, entretanto as agendas sobre o projeto de lei da FakeNews com um jovem que já foi processado e condenado de publicar notícias falsas é um escárnio”, afirmou a frente parlamentar em nota.

A Frente Parlamentar Evangélica ainda informou que já solicitou o cancelamento da agenda, sugerindo que, se é de interesse do parlamentar prestar solidariedade ao youtuber, “que o faça em seu próprio nome em agenda privada”.

O convite foi feito por Rodrigo Maia no último sábado (1°) enquanto o parlamentar defendia o influenciador digital de críticas nas redes sociais. Na ocasião, Maia lançou o convite para que ele participe de uma reunião com o objetivo de, segundo Maia, “discutir e melhorar o PL que está na Câmara”, que trata sobre o projeto de lei que tramita atualmente no Parlamento.

 Nenhum comentário

Pesquisa Consult: Em Campina Grande Bolsonaro tem 49,2% de aprovação e o governador João Azevedo 36,7%.


Vladimir Chaves


Pesquisa Consult realizada entre os 25 e 26 julho, na cidade de Campina Grande, consultou os entrevistados para saber os índices de aprovação do governador da Paraíba João Azevedo (Cidadania) e do presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido)

De acordo com a Consult, João Azevedo 36.7% dos entrevistados aprovam a gestão do governador, enquanto que 47.8% desaprovam. 15,4% não soube ou não quis responder.

Já o presidente Jair Bolsonaro, a aprovação em Campina Grande é de 49,2% entre os entrevistados pela Consult e de 45% de desaprovação. 5,7% não souberam dizer.

A pesquisa ouviu 700 pessoas e foi encomendada pelo Sistema Arapuã de Comunicação.

quinta-feira, 30 de julho de 2020

 1 comentário

Pesquisa Consult: Prefeito de Campina Grande tem aprovação de 88,7%


Vladimir Chaves


Pesquisa de opinião, realizada pelo Instituto Consult em Campina Grande, entre os dias 25 e 26 de julho, coloca o prefeito Romero Rodrigues (PSD) entre os governantes com melhor avaliação em todo Estado da Paraíba.

Segundo os dados da Pesquisa Consult, 88,7% da população aprova a gestão do prefeito Romero Rodrigues, apenas 5% considera ruim e 5,1% definiram como péssima e 5,14% disseram não saber definir.  

Em relação ao jeito de administrar do prefeito campinense, 76,57% da população aprova, enquanto que apenas 17% desaprovam e 6,43% não sabem dizer.

Quando foram questionados sobre quem consideravam ser a maior liderança política de Campina Grande, Romero Rodrigues lidera com folga, o ranking: 33,7% dos entrevistados apontam o prefeito. Em segundo lugar, vem o ex-senador Cássio Cunha Lima (8,4%), seguido do senador Veneziano Vital do Rêgo (5,1%) e uma lista de outras líderes políticos de diferentes esferas de poder.

A pesquisa ouviu 700 eleitores em cinco regiões de Campina Grande.





 1 comentário

Banco Central anuncia lançamento da nota de R$ 200


Vladimir Chaves


A partir do fim de agosto, os brasileiros poderão circular com um novo tipo de cédula. O Conselho Monetário Nacional (CMN) aprovou hoje (29) a criação da nota de R$ 200.

A cédula terá como personagem o lobo-guará, espécie que ficou em terceiro lugar em uma pesquisa realizada pelo BC sobre quais animais em extinção deveriam ser representadas em novas cédulas. O anúncio foi feito pelo Banco Central (BC), que convocou uma entrevista coletiva para apresentar a nova nota.

A diretora de administração do Banco Central, Carolina de Assis Barros, disse que o lançamento da nova nota é uma forma de a instituição agir preventivamente para a possibilidade de aumento da demanda da população por papel moeda. Segundo o BC, entre março e julho deste ano, um dos efeitos econômicos da pandemia de covid-19 foi o aumento de R$ 61 bilhões no entesouramento de moeda, ou seja, notas que deixaram de circular porque a população deixou o dinheiro em casa.

Segundo a diretora, não há falta de numerário no mercado, mas o BC entende que o momento é oportuno para o lançamento da nova cédula diante da possibilidade de aumento na demanda.

“Estamos vivendo neste momento um período de entesouramento, efeito derivado da pandemia. O Banco Central nesse momento não consegue precisar por quanto tempo os efeitos do entesouramento devem perdurar”, disse a diretora.

Em entrevista coletiva, Carolina  também afirmou que a imagem da nota de R$ 200 ainda não está disponível porque está na fase final de testes de impressão. O lançamento está previsto para o final de agosto deste ano.

Segundo o BC, a tiragem em 2020 será de 450 milhões de unidades, equivalentes a R$ 90 bilhões.

quarta-feira, 29 de julho de 2020

 Nenhum comentário

Campina Grande se destaca no Nordeste na geração de empregos, durante o mês de junho.


Vladimir Chaves


As estratégias de retomada da economia, propostas pela Prefeitura Municipal de Campina Grande, por meio do Plano de Convivência e Retomada das Atividades, elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, já mostram efeitos na recuperação do setor produtivo campinense, conforme atestam os dados, de janeiro a junho de 2020, publicados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED).

Campina Grande registra um saldo positivo no setor de serviços, com 734 contratações, apenas no mês de junho; e a abertura de 185 novos postos de trabalho. Ainda segundo os dados do CAGED, de janeiro até junho, Campina Grande também foi destaque por apresentar um número inferior de desemprego. Em Recife, por exemplo, 19.810 trabalhadores perderam seus empregos. Em João Pessoa foram 7.377 trabalhadores demitidos e 3.179 em Caruaru. Em Campina Grande, porém, foram apenas 1.304 demissões acumuladas em 2020. No mês de junho, em comparação com as mesmas cidades, Campina Grande segue sendo a única com um resultado positivo no saldo de contratações (admissões menos demissões) com 126 trabalhadores admitidos.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Rosália Lucas, analisou os dados e comemora os resultados. “O diálogo e a construção de estratégias, junto ao setor produtivo, por parte da gestão municipal, resultaram no enfrentamento da crise e na manutenção de postos de trabalhos. E retomada das atividades econômicas, em junho, contribuiu para o saldo positivo do CAGED”, disse.



A flexibilização do comércio em Campina Grande teve início no dia 15 de junho. A abertura dos segmentos vem seguindo protocolos de segurança em saúde, que constam no Plano de Convivência e Retomada das Atividades, apresentado pelo prefeito Romero Rodrigues, no dia 12 de junho, e que foi desenvolvido em conjunto pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Secretaria de Saúde, sindicatos e instituições que representam o setor empresarial, comercial, educacional e outros segmentos da sociedade civil do Município.

 Nenhum comentário

Governo lança Programa Município Amigo da Família


Vladimir Chaves


O Programa Município Amigo da Família foi lançado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. O objetivo é implementar nos municípios ações que valorizem a família, a proteção social e o fortalecimento de vínculos conjugais. As prefeituras de todo o País interessadas em participar do projeto podem se inscrever na página do programa.

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, destacou a importância do papel dos municípios no fortalecimento familiar.  “O Programa Município Amigo da Família vem exatamente para que esse grande objetivo do ministério seja alcançado, porque é lá na ponta que estão as famílias. É lá onde tudo acontece. É lá onde tudo pode ser concretizado”, disse.

Os municípios que aderirem ao programa vão receber apoio técnico da Secretaria Nacional da Família para promoverem melhores condições de implementação de políticas familiares municipais. Também terão o nome divulgado na lista de municípios que fazem parte do programa no endereço eletrônico do Observatório Nacional da Família.

Segundo a ministra, o Brasil só conseguirá buscar o desenvolvimento se investir em ações e políticas públicas voltadas ao fortalecimento de vínculos conjugais. “Nós entendemos que nação soberana é uma nação que fortalece famílias. Nação protegida é uma nação que protege famílias”, ressaltou.

Para aderir à iniciativa, os municípios deverão comprovar que executam, no mínimo, seis iniciativas para a valorização da família indicadas pelo Governo Federal. Essas iniciativas estão divididas em quatro áreas de atuação: planejamento de políticas familiares; apoio à maternidade e paternidade; promoção de vidas saudáveis; e desporto e lazer para a família. Toda a documentação deverá ser enviada para o e-mail detf@mdh.gov.br.

 Prêmio Boas Práticas
As boas práticas serão reconhecidas pelo Governo Federal por meio de uma certificação. É o Prêmio Boas Práticas em Políticas Públicas Familiares Municipais, também lançado nesta terça-feira, e que já está com as inscrições abertas, até 8 de agosto.

Para Damares Alves, o programa Município Amigo da Família é uma grande vitrine para o Brasil, uma oportunidade de troca de experiências.

“Este programa não é só para dar selo a um prefeito, a um município. É mais que isso. É a gente mostrar, por exemplo, que um município pequeno, lá no interior de Sergipe, tem uma iniciativa tão extraordinária de fortalecimento de vínculos, tem uma iniciativa tão extraordinária de proteção da infância, de proteção do idoso, que um grande município lá de São Paulo, pode usar como modelo”, destacou. 

 Nenhum comentário